sexta-feira, dezembro 24, 2010

quinta-feira, dezembro 23, 2010

A livraria dos meus sonhos


A livraria dos meus sonhos
Antonio de Freitas Jr.
Publicada anteriormente em 02/01/2006

Sempre que a vida prega-me alguma peça e vejo-me meio assustado, com medo do futuro, penso em minha livraria. Sim, eu tenho uma livraria. Uma livraria que carrego dentro de mim, talvez minha loucura definitiva, como diria minha mãe, um sonho de abrir uma livraria numa imensa terra de analfabetos.

Mas minha livraria, como todo sonho, é feita de livros e momentos, de pessoas e sentimentos, de poesias e contos, de cafés e conhaques, de alegrias e de algumas lágrimas. Ela vive dentro de mim e sempre que me sinto triste, retiro-me à minha livraria e sinto o odor de madeira e papel que vem de suas estantes. Vejo o belo sofá branco convidando os visitantes ao conforto de seu colo e a cafeteira fumegante a espalhar no ar o cheiro forte e quente de café, aliado incondicional de um cigarro.

As livrarias resistem, apesar de este ano, meu bom amigo Gaspar haver fechado sua “Punto y Coma”, uma das melhores livrarias da Espanha. Passei infinitas horas a ‘buquinar’ naquela livraria e a conversar com Gaspar. Aprendi muito naquelas tardes de solidão e melancolia durante a tese em que eu buscava refugio entre as estantes de madeira e o cheiro de papel novo da “Punto y Coma”. Recordo da eterna promessa de Gaspar, jamais cumprida, de levar-me a Denia para comermos um arroz negro. Lembro sua jocosa proposta de deixar a livraria aberta durante a noite, para que eu pudesse entrar sorrateiramente a surrupiar meus livros favoritos, tudo para criar a inacreditável manchete dos jornais da manhã seguinte: Livraria assaltada. Tudo isso pra demonstrar sua teoria de que ninguém rouba uma livraria, pelo menos seus livros.

E existem as livrarias irreais, as verdadeiras e mágicas livrarias, como aquela que entrei no Quartier Latin, em Paris. Era uma velha livraria, daquelas que vendem mais livros velhos que novos. E possuía um dono de cabeleira branca e suspensórios, a ler o jornal com uma enorme lente de aumento. Aquele lugar, com seu ambiente noir, parecia saído do passado. Quando regressei a Espanha, ainda era verão e fui pro meu balcão favorito, o do Café das Letras. Para minha surpresa, Dani, o proprietário, havia pedido duas cópias de um cartaz de um concurso fotográfico promovido pela Universidade de Salamanca, ilustrado exatamente pelo retrato da minha livraria francesa!!! O nome da foto era “O Livreiro Egípcio”. Mas eu insisto, até hoje, que aquela livraria está em Paris.

Muitas outras livrarias passaram por minha vida, como a Leonel Franca, naquela Teresina do começo dos anos 80, a Livro 7, no Recife do meu início de curso de Direito, e a livraria da Moema, que acho que se chamava Papirus, em São Luís. Todas tiveram seu momento mágico e hipnotizaram aquele menino que um dia queria capturar toda a cultura.

Hoje, os grandes centros comerciais estão matando as livrarias, com seus “best sellers” vendidos em estantes aos quilos, como qualquer produto de limpeza, cheios de descontos promocionais. Tudo pra quebrar a livraria, a verdadeira livraria, aquela onde os atendentes são alfabetizados e conseguem até dá uma opinião razoável sobre a obra que despertou teu interesse.

Eu, por minha vez, freqüento hoje em dia duas livrarias enormes: a Livraria Cultura e a Fnac, ambas em Brasília. Passo horas naqueles lugares sagrados, principalmente em minhas tardes de domingos, mas.... não compro nada. E não o faço pela simples razão de que eles, por serem grandes livrarias, não precisam de minhas moedas para sobreviver. De maneira que eu desfruto de minha visita, analiso os lançamentos, rememoro as velhas edições, namoro as obras clássicas e não compro absolutamente nada. Devo ser o desgosto de todas as atendentes. Prefiro ir a uma pequena livraria café chamada Rayuela, na 413, que significa “Jogo da Amarelinha” em português, como no titulo da imortal obra de Julio Cortaza, para tranqüilamente comprar-me algo.

Então, como agora, enquanto todos estão sorrindo e festejando o Ano Novo, eu caminho lentamente para a livraria dos meus sonhos, a livraria que carrego dentro de mim. Elejo algo que me dará um imenso prazer de ler, sento na poltrona de couro marrom, minha caneca de café a mão, um Parliament aceso no cinzeiro. Começo a leitura entre aromas de velhas prateleiras e papel. Papel vivo, cheio de estórias, sabedoria, informação, diversão e companhia. Papel cheio de vida.

Os anos Lula: 2003 - 2010




Especial da Folha de São Paulo sobre "Os anos LUla - 2003 - 2010"

http://www1.folha.uol.com.br/especial/2010/anoslula/

quarta-feira, dezembro 22, 2010

terça-feira, dezembro 21, 2010

Felipe IV por Diego Velázquez

Detrás das pinceladas estava Velázquez

EL PAíS - Madrid - 21/12/2010

Tradução de Antonio de Freitas

O retrato de Felipe IV é novamente atribuído ao pintor espanhol, 37 anos após o Metropolitan Museum of Art cometer um erro sobre sua autoria.

segunda-feira, dezembro 20, 2010

Amanhã haverá um eclipse total da Lua


Amanhã haverá um eclipse total da Lua

Coincidindo com o amanhecer, a sombra do vulcão Teide apontará para o satélite eclipsado num alinhamento "quase perfeito"

EL PAÍS AGENCIAS - Madrid – 20/12/2010


Tradução de Antonio de Freitas

Amanhã, pouco antes do amanhecer, se produzirá um
eclipse total da Lua, pois a Terra se interporá entre o Sol e o satélite, que se encontra em fase de plenilúnio ou lua cheia, e a sombra do planeta azul irá pouco a pouco ocultando-o até tapá-lo por completo.

Diferentemente dos eclipses totais do Sol, os eclipses lunares são observados de todo o hemisfério noturno terrestre. O fenômeno se iniciará às 08:29 GMT e o momento principal ocorrerá às 11:40, quando a Terra tapará a Lua.

Contudo, em um eclipse total da Lua, esta não desaparece por completo, segundo explicou o Instituto Astrofísico de Canárias (IAC). Os raios do Sol, refratados na atmosfera terrestre, podem iluminar a superfície lunar, que se verá da Terra em tonalidades avermelhadas.

Na Espanha poderá se contemplar as primeiras fases do eclipse, já que a saída do sol estragará o espetáculo. Tampouco parece que o tempo vá acompanhar. Os canários serão os mais afortunados.

Em Tenerife poderá se vê uma "imagem única", contou o IAC, já que a sombra do vulcão Teide sobre a atmosfera coincidindo com o amanhecer apontará diretamente à Lua eclipsada num alinhamento "quase perfeito". Isto já ocorreu no eclipse de 9 de janeiro de 2001. Dez anos depois, este novo "espetáculo" do céu será retransmitido ao vivo através da página de Internet
www.eclipsesolar.es.

Em sua web, a NASA tem um espaço especial no qual oferece a possibilidade de falar com alguns de seus especialistas do centro lunar Marshall Space Flight Center. Ademais, os interessados em astronomia poderão entrar em contato durante o eclipse enviando a mensagem "I'm here" (Estou aqui).

O Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da NASA, em Pasadena (Califórnia), organizou um concurso de fotografia e a imagem selecionada se converterá no fundo de tela oficial do laboratório.

WiliLeaks


WiliLeaks


Veneza nevada


Veneza nevada

GETTY/ Marco Secchi El País 17-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

Várias gôndolas, cobertas de neve, permanecem atracadas em Bacino Orseolo, Veneza. O temporal de neve que afeta a Itália e grande parte da Europa, continuará todo o fim de semana.

quinta-feira, dezembro 16, 2010

Julian Assange em liberdade

Assange em Liberdade: "Espero continuar fazendo meu trabalho"

JOSEBA ELOLA - Londres - El País - 16-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

Julian Assange em liberdade após pagar fiança em Londres. O Tribunal de Westminster denega um recurso da promotoria sueca para mantê-lo preso enquanto durar seu processo de extradição por um suposto delito sexual.

terça-feira, dezembro 14, 2010

Chuva de meteoros


Imagem do céu de Killiecrankie, na Escócia, durante chuva de meteoros Geminidas na madrugada desta terça-feira, dia 14 de dezembro de 2010.
Fonte: Russell Cheyne/Reuters - Folha.com

Aurora boreal


O fotógrafo islandês Orvar Thorgiersson retrata a intensificação da aurora boreal
Fonte: BBC Brasil / UOL

segunda-feira, dezembro 13, 2010

Um leilão revela a cara mais íntima de Kennedy


Um leilão revela a cara mais íntima de Kennedy

Efe Nova York – El Mundo – 13-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

Mais de doze mil fotografias daquele que foi presidente dos Estados Unidos, John F. Kennedy, e entre as quais se encontra uma desconhecida imagem do mandatário junto a Marilyn Monroe qualificada como 'material sensível', foram leiloadas em Nova York.

A instantânea que capta o político junto a Marilyn Monroe os mostra juntos numa festa de arrecadação de fundos para o Partido Democrata, na qual Monroe foi após cantar no Madison Square Garden de Nova York seu famoso 'Happy Birthday Mister President'.

A fotografia, datada de 1962, foi adquirida por 9.150 dólares e inclui também o envelope onde estava guardada e se pode ler 'material sensível'.

Pesca na neblina


Pesca na neblina

AP / Mukhtar Khan El País - 13-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

Um pescador retira a rede do lago Dal, em Srinagar, Cachemira (Índia), entre uma espessa neblina.

Um carro sob a neve


Um carro sob a neve

REUTERS/ Eric Miller El País - 13-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

Um homem retira com uma pá a neve acumulada em cima de um veículo estacionado em Minneapolis, EUA. A neve chegou a superar os 30 centímetros de altura.

quarta-feira, dezembro 08, 2010

Srawberry Fields de Nova York


Homenagens a Lennon em Nova York

REUTERS El País - 08-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

Homenagens a Lennon no Strawberry Fields de Nova York

The Beatles

http://www.elmundo.es/beatles/index.html

Trinta anos sem Lennon

Trinta anos sem Lennon

El País - 08-12-2010

Hoje há três décadas morria assinado em Nova York John Lennon, músico genial e líder dos Beatles, talvez a maior banda de rock do século XX.

A última entrevista de Lennon


A última entrevista de Lennon

AP El País - 08-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

A revista Rolling Stone publicará na íntegra a entrevista com o ex-Beatle John Lennon, concedida três dias antes de ser assinado.

Torre Eiffel fechada pela neve em Paris


A Torre Eiffel fechada pela neve em Paris

El País – 08-12-10

Tradução de Antonio de Freitas

A região de Île-de-France se encontra afetada pelo forte temporal, igual a outros 20 departamentos do norte da França.

FLUMINENSE - CAMPEÃO BRASILEIRO 2010

terça-feira, dezembro 07, 2010

sexta-feira, dezembro 03, 2010

Mergulho em Veneza


Mergulho em Veneza

AFP El País - 03-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

Um mergulhador nada nas águas de Veneza, na Praça de São Marcos de Veneza. A água alcançou seu recorde no ano, alcançando uma altura de 1,36 metros. O recorde histórico deste fenômeno ocorreu em 4 de novembro de 1966, com a marca de 1,94 metros (EFE).

quinta-feira, dezembro 02, 2010

The Blues Brothers by Jazz Art & Dance TSV Schleißheim

Natal em Nova York


Natal em Nova York

AFP/ Stan Honda El País - 01-12-2010

Tradução de Antonio de Freitas

As luzes da árvore de Natal do Rockfleller Center, em Nova York, iluminam desde a noite de 30 de novembro. Originária de Mahopac (New York), pesa 12 toneladas, mede 22 metros de altura e está iluminada com luzes LED, mais respeitosas com o meio ambiente, ligadas a mais de oito quilômetros de cabos.